Texto de Aluna da Isabelly Barbosa da EMEF João Silvano foi selecionado para etapa estadual da 6ª Olimpíada de Língua Portuguesa

Com o título “Como era minha vida”, o texto da aluna ISABELLLY DA SILVA BARBOSA da EMEF João Silvano foi selecionado para a etapa estadual da 6ª edição da Olimpíada de Língua Portuguesa na categoria Memórias Literárias. A aluna teve todo o suporte da unidade escolar através da gestora Maria José (também conhecida como Zélia) e da professora de português, Jeanne dos Santos. A etapa estadual acontecerá entre os dias 26 de setembro e 11 de outubro.

A 6ª edição da Olimpíada de Língua Portuguesa recebeu 5.262 inscrições da Paraíba. Além da rede estadual de ensino, o programa teve adesão das secretarias de educação de 217 municípios do estado. Com isso, alunos de 1.260 escolas participam este ano. No Brasil, foram 171.035 inscrições nas cinco categorias por gênero textual, com adesão de todos os estados e de 4.876 municípios (87,5% do total), somando 42.086 escolas.

A Olimpíada de Língua Portuguesa integra o Programa Escrevendo o Futuro, desenvolvido pelo Itaú Social e pelo Ministério da Educação (MEC) com a coordenação técnica do Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária (Cenpec). Com o tema “O lugar onde vivo”, propicia aos estudantes estreitar vínculos com a comunidade e aprofundar o conhecimento sobre a realidade.

“Recebemos essa notícia com imensa alegria porque temos trabalhado fortemente com formações, cursos, workshops, assessorias, sempre pensando na melhora e evolução do ensino em nosso município. Então, esse pode ser considerado como um exemplo, resultado do esforço dos gestores, dos professores, de todos os profissionais que fazem a educação em nosso município. Fazemos os investimentos e os resultados aparecerão naturalmente”, falou a Prefeita Joyce Renally, que também parabeniza especialmente a gestora Zélia da EMEF e a professora Jeanne pelo resultado obtido nesta olimpíada.

Seleção e Premiação

As comissões julgadoras são compostas por pais, membros da comunidade, especialistas de universidades, representantes das instituições parceiras, do MEC e do Itaú Social.
Entre as premiações estão: imersão pedagógica internacional para os professores e viagem cultural em território brasileiro para os estudantes. As escolas dos alunos vencedores receberão acervo para reforço da biblioteca.

A Olimpíada de Língua Portuguesa conta com a parceria da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime), do Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed), da Fundação Roberto Marinho e do Canal Futura.

Da redação com assessoria